ONDE FICAR EM BUENOS AIRES


Onde ficar em Buenos Aires é uma das decisões mais importantes que você precisa tomar na hora de planejar uma viagem à cidade. As principais regiões escolhidas pelos turistas para se hospedar (Centro, San Telmo, Recoleta, Palermo Soho, Palermo Hollywood e Puerto Madero) possuem características únicas e são indicadas para um perfil específico de viajante.

Se você não tem certeza sobre qual tipo de viajante você é, responda as perguntas:

 

Ao viajar, você prefere ficar em um bairro tranquilo ou no meio da agitação?

Se hospedar perto dos melhores restaurantes é importante para você?

Estou viajando para conhecer as atrações culturais do destino ou para curtir o melhor da vida noturna?

 

Agora que você já sabe quais são suas expectativas para essa viagem, é hora de escolher qual bairro de Buenos Aires combina mais com você:

 

Buenos Aires San Telmo - ED

Centro

O Centro de Buenos Aires é bastante parecido com o centro de São Paulo, do Rio de Janeiro e me arrisco a dizer, da maioria das regiões centrais das grandes cidades. Isso não quer dizer que não seja um lugar viável para se hospedar – as grandes vantagens de quem se hospeda por aqui são os hotéis econômicos e o fácil acesso à Casa Rosada, San Telmo, Puerto Madero e Recoleta.

Por outro lado, as desvantagens: cheio de turistas e porteños que trabalham na região, sem vida noturna e a sensação de insegurança ao sair à noite.

Fique hospedado no centro de Buenos Aires apenas se economizar ao máximo é muito importante para você.

San Telmo

San Telmo é um dos bairros mais antigos de Buenos Aires. Até o final do século XIX, abrigava as mais importantes e tradicionais famílias da cidade e em um passeio pela região, é possível avistar muitos casarões de aparência decadente que agora funcionam como antiquários, restaurantes e lojas da moda.

Você vai encontrar algumas opções de hostels e hoteis alternativos, mas dizem que não é um dos bairros mais seguros para se hospedar. Fique apenas se você faz questão de estar perto da famosa Feira de San Telmo (acontece aos domingos) ou se você quer curtir aquele ar da Buenos Aires de antigamente.

Buenos Aires Madero Ponte

Puerto Madero

A cara de Puerto Madero é a Puente de La Mujer, um dos cartões postais da cidade de Buenos Aires. É uma construção de arquitetura contemporânea, assim como todo o bairro, que não tem nada a ver com aquela Buenos Aires clássica, de prédios estreitos colados uns nos outros.

A região é conhecida por ser um dos “metros quadrados” mais caros da cidade. Para os turistas, o que interessa são as boas opções de restaurantes e bares, além de um cassino flutuante que fica aberto 24h por dia.

Puerto Madero é um bairro de hospedagem cara e vai te deixar relativamente longe de outras atrações da cidade, como os Bosques de Palermo e agitação de Palermo Soho. Portanto, só vale à pena ficar por aqui se você fizer questão de abrir mão de uma localização mais central para explorar à fundo tudo que Puerto Madero tem a oferecer.

Recoleta

A Recoleta é uma das regiões mais chiques da cidade. Para fins de comparação, a Recoleta é para os porteños o que o Jardins é para os paulistanos – um lugar agradável para passear, repleto de lojas de marca e preços nas alturas. Se você não se importa em gastar a sola dos sapatos, não há bairro melhor para você, até porque você vai encontrar pouquíssimas estações de metrô por lá. Se ficar hospedado próximo ao Cemitério da Recoleta (que é sim uma atração da cidade, acredite se quiser) espere gastar uma grana extra com táxi.

As vantagens de se hospedar na Recoleta é a localização relativamente central (próximo ao bairro de Retiro e Palermo Soho) e o ambiente super agradável. Se você já ouviu falar que Buenos Aires é um pedacinho da Europa na América Latina, é na Recoleta que você vai enxergar o porque disso. Ótimas opções de cafés, restaurantes e sorveterias podem ser encontradas por aqui.

Buenos Aires 3 - ED

Palermo Soho

Palermo é uma região grande de Buenos Aires, localizada perto do Aeroparque (o aeroporto mais próximo da cidade). Ela se divide em várias sub-regiões: Palermo Chico, Palermo Viejo, Palermo Soho e Palermo Hollywood. Palermo Soho é a região próxima à Plaza Serrano – cuja feirinha já virou ponto de referência – e se destaca por ser um lugar super descolado, com lojas de designers alternativos e vários barzinhos que agitam a noite Porteña. Palermo Soho é para os porteños o que a Vila Madalena é para os paulistanos.

Você, amigo paulistano, se hospedaria na Vila Madalena? Eu também. E as mesmas razões que você usaria para justificar sua hospedagem na Vila também se aplicam para você ficar no Soho. Apenas tenha em mente que é um bairro um tanto quanto parado de manhã, mas você sempre pode se programar para conhecer o Rosedal e o Jardim Japonês que ficam ali pertinho (Palermo Chico).

Palermo Hollywood

O lugar ganhou esse nome chique por causa das produtoras e emissoras de televisão que se instalaram por ali nos anos noventa. Não é um bairro friendly para caminhadas, não tem lojas descoladas e nem uma atração importante sequer. Na verdade, a maioria das pessoas que opta por se hospedar por ali é porque tem negócios na região.

Então por que eu deveria me hospedar em Palermo Hollywood? Palermo Hollywood é sua cara se você é inclinado à aventuras gastronômicas e quer estar próximo aos melhores restaurantes da cidade. Sim, o bairro é super conhecido pela alta gastronomia. Se você não se importar em estar longe de todo o resto para ficar perto da comida (ei, ninguém está te julgando), Palermo Hollywood é o bairro indicado para você.

Confira o excelente post 10 restaurantes que você precisa conhecer em Palermo Hollywood do Aires Buenos Blog.

Guaxinim, e se eu quiser me hospedar em um bairro diferente?

Vá em frente! A maioria das pessoas que visitam Buenos Aires pela primeira vez caem de amores pela Recoleta e Palermo Soho e acabam sempre ficando nos mesmos lugares. Mas, se você está pronto para uma nova aventura, que tal Belgrano – o bairro das embaixadas em Buenos Aires? Ou Villa Crespo, para quem quer estar perto dos outlets? Ou ainda Abasto, um dos preferidos do cantor de tango Carlos Gardel?

 

E se você ainda está na fase de escolha do destino da próxima viagem, não deixe de conferir nossa lista de 10 motivos para você viajar para Buenos Aires.

Se você curtiu esse artigo, apóie O Guaxinim Viajante e compartilhe esse post nas redes sociais! ☟

Aline
Aline
About me

Meu nome é Aline. Leitora compulsiva e aspirante a blogueira, vivo sonhando acordada com lugares que nunca conheci e me preparando para um apocalipse zumbi. Meu sonho é ganhar dinheiro sem precisar trabalhar, para alimentar meu vício em viagens. ✎ aline@oguaxinimviajante.com.br

YOU MIGHT ALSO LIKE

BUENOS AIRES | JARDIM JAPONÊS
May 23, 2016
onde se hospedar no rio de janeiro
ONDE SE HOSPEDAR NO RIO DE JANEIRO: NAS COMUNIDADES
November 08, 2015
O FLORIDO ROSEDAL DE BUENOS AIRES
October 06, 2015
Buenos Aires Cemiterio da Recoleta
BUENOS AIRES | O CEMITÉRIO DA RECOLETA
October 04, 2015
Buenos Aires Argentina
10 MOTIVOS PARA VOCÊ CONHECER BUENOS AIRES
October 03, 2015

Leave a comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *